A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) inaugura esta semana o Serviço Odontopediátrico de Lisboa (SOL), uma unidade de medicina dentária gratuita para todas as crianças e jovens até aos 18 anos que residam ou estudem no concelho, qualquer que seja a sua condição social e económica. “Trata-se de um projeto único em Portugal que tem como objetivo providenciar cuidados medico-dentários de elevada qualidade a todos os menores da capital. Não é só para famílias carenciadas”, explica a Santa Casa, frisando que as consultas com os dentistas e os tratamentos não são cobrados a ninguém.

A única exceção paga são os serviços de ortodontia — vulgo, aparelhos —, mas os beneficiários de abono de família estão isentos de qualquer custo, independentemente do ato.

A Santa Casa estima realizar 50 mil consultas por ano e diminuir, pelo menos, em 60% a prevalência da cárie dentária até 2025 no concelho de Lisboa. “Com o SOL, queremos alcançar uma mudança efetiva de comportamentos e alterar o paradigma da saúde oral na cidades de Lisboa. O êxito alcançado por programas de atenção precoce à saúde oral em alguns países mostra uma prolongada ausência de cáries em crianças que recebem cuidados desde os primeiros meses de vida”, explica a organização.

A clínica, situada na Avenida Almirante Reis, será composta por dez médicos dentistas, três higienistas orais, dez assistentes dentários, um auxiliar e quatro administrativos, todos em dedicação a tempo inteiro. Funcionará de segunda a sexta, das 8h às 20h, e ao sábado, das 8h às 13h. Os contactos para as marcações estarão disponíveis no site da SCML (www.scml.pt) a partir de terça-feira.
A inauguração vai contar com a presença do ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, e da ministra da Saúde, Marta Temido.

fonte: Jornal Expresso