A associação ambientalista Quercus atribuiu para a época balnear deste ano a classificação «qualidade de ouro» a 375 praias , menos 15 do que em 2018.

A Quercus refere que a região Tejo e Oeste é a que reúne mais atribuições (90), seguida do Algarve (87) e da região Norte (74), sendo que os concelhos com maior número de praias distinguidas são Albufeira e Vila Nova de Gaia (18), seguidos de Almada, Vila do Bispo (13) e Torres Vedras (12).

A associação adianta que, das praias galardoadas, 326 são costeiras, 40 são interiores e nove de transição, esclarecendo que «a totalidade dos galardões retirados face a 2018 se referem a praias costeiras».

Segundo a Quercus, o galardão, criado há 10 anos, passou, em 2019, a considerar também episódios de interdição de praia ocorridos no ano anterior, «uma vez que estes eventos demonstram circunstâncias de qualidade de água balnear descontínua».

A Quercus acrescenta que, a partir deste ano, vai «aumentar o rigor de atribuição do galardão», além do novo critério agora introduzido relativo às interdições.

fonte: “A Bola”