Não perca a 2ª parte do debate realizado pelo Faenas TV, sobre o atual estado da tauromaquia em Portugal.


Neste programa os convidados, vão abordar o estado da cabana brava em Portugal. Os custos da criação do toiro de lide. A escolha dos toiros consoante a categoria da praça. Os critérios de avaliação e o futuro do toiro de lide. A tauromaquia e o relacionamento com a política local e nacional. Os critérios de adesão à Associação Portuguesa de Empresários Tauromáquicos. A organização de corridas de toiros. A dificuldade das marcas associarem-se a organizações taurinas. A redução dos tempos de uma corrida de toiros, entre outros temas do interesse dos aficionados.

O debate foi moderado pelo jornalista Diogo Marcelino e contou com a presença de João Santos de Andrade, presidente da PróToiro e da Associação Portuguesa de Criadores de Toiros de Lide, Ricardo Levesinho, presidente da Associação Portuguesa de Empresários Tauromáquicos, Nuno Pardal, presidente da Associação Nacional de Toureiros e Diogo Durão, presidente da Associação Nacional de Grupos de Forcados.

Não perca em breve a 3ª e última parte deste programa.

Uma produção do Faenas TV, disponível gratuitamente em qualquer parte do Mundo no site e na página de Facebook do Faenas TV.