Entrevista ao Matador de Toiros “Juanito”, a propósito da sua participação no Festival Taurino do Dia da Tauromaquia, que decorre no dia 29 de Fevereiro, no Campo Pequeno. 

Que balanço fazes da tua temporada 2019?

J: Uma temporada bonita, onde triunfei e me despedi de novilheiro, com triunfos nas grandes feiras e depois uma alternativa de luxo onde pude cuajar os dois touros. Fazer metade do ano já como matador e com um bom número de corridas com figuras e triunfos.

O que representa para ti o Dia da Tauromaquia?

J: Sempre foi uma ideia que me motivou quando me ligaram para estar presente, acho que é essencial e fundamental para continuar a criar afición. Parabéns à organização, pelo que sei tem sido, ano após ano, um enorme êxito!

Estás a fazer alguma preparação especial para este dia?

J: É um dia especial mas a minha preparação é dedicada a toda uma temporada de um grande nível.

O que pode o público esperar de ti no Dia da Tauromaquia?

J: Espero que as coisas saiam como desejo, que Lisboa volte a poder desfrutar do meu toureio e que os touros o permitam, o resto sairá de mim.

Quais os teus planos para a temporada de 2020?

J: Estamos a preparar uma temporada forte, com grandes compromissos, onde deposito toda a confiança no meu apoderado, de maneira a que eu me preocupe apenas com o meu toureio e com a praça.